Comments System

5 minutos após fim da partida, zagueiro do Inter já publicava a revolta na internet

Jogadores agradecem à torcida (Ricardo Duarte / Inter)
Jogadores agradecem à torcida (Ricardo Duarte / Inter)
Os colorados ficaram revoltados com o pênalti marcado a favor do Cruzeiro na noite desse sábado (5), no Mineirão, no empate em 1 a 1 no duelo da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Tanto que cinco minutos depois do juiz apitar, o zagueiro Bruno Fuchs foi ao Twitter desabafar.

"Só uma coisa, é brincadeira o que fizeram hoje aqui no Mineirão", escreveu o defensor na rede social.

Na saída de campo, o promissor zagueiro falou aos microfones. "Veio a informação para a gente que não foi nada. Ninguém do Cruzeiro reclamou de pênalti. Isso estraga o trabalho da gente. Não tem o que fazer, no próximo jogo temos de ganhar do CSA", declarou.

O lance polêmico se deu no segundo tempo, quando Patrick teve contato com Orejuela, do Cruzeiro, dentro da área. O árbitro mandou o jogo seguir, mas o VAR foi acionado. Após ver a o lance, o árbitro assinalou a penalidade. O comentarista de arbitragem da rádio Gaúcha, Diori Vasconcelos, afirmou que foi um enorme erro assinalar o pênalti.

Veja o lance:








65% dos clubes da Série A têm patrocínio de segmento que é novidade no Brasil

ATENÇÃO:

  • Quer ficar informado sobre o Colorado 24h por dia? Entre no grupo do Resistência Colorada e tenha as informações na palma de sua mão.

    Clique aqui e entre com seu WhatsApp.

    O grupo não é aberto para debates.

Nenhum comentário