Comments System

Inter poderá ter batalha jurídica contra CBF caso classifique à pré-Libertadores; entenda


Outros clubes já tiveram o mesmo problema (Foto: Divulgação / CBF)
Outros clubes já tiveram o mesmo problema
(Foto: Divulgação / CBF)
Por Rodrigo Rodrigues — Porto Alegre
@rodrigorodriguesrrv

O Internacional poderá ter uma batalha jurídica contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) caso se classifique à pré-Libertadores de 2020. Isso porque a fase inicial da competição continental começa simultaneamente com o torneio pré-Olímpico.

A pré-Libertadores terá início em 22 de janeiro. O pré-Olímpico, que acontecerá na Colômbia e vala vaga aos Jogos de Tóquio, em 2020, inicia em 18 de janeiro e termina em 9 de fevereiro. E o Inter tem pelo menos dois jogadores monitorados pela CBF para o torneio.

O zagueiro Bruno Fuchs é um deles. Com seguidas convocações, o promissor defensor pode pintar em uma convocação. Outro que chama a atenção é o meia Nonato, que tem idade olímpica e há tempo é observado pela CBF. Heitor, com a titularidade na lateral-direita, não está descartado.

Em caso de classificação do Inter para a pré-Libertadores, poderá perder jogadores. Recentemente, o Athletico não liberou o lateral Renan Lodi para a mesma seleção sub-23 e teve problemas com a entidade que comanda o futebol brasileiro.


O canhoto, que atualmente defende o Atlético de Madrid, não pôde também defender o Athletico por medo de retaliação da CBF, que poderia multar o clube ou encaminhar para julgamento na Fifa.

ATENÇÃO:

  • Quer ficar informado sobre o Colorado 24h por dia? Entre no grupo do Resistência Colorada e tenha as informações na palma de sua mão.

    Clique aqui e entre com seu WhatsApp.

    O grupo não é aberto para debates.

Nenhum comentário