Comments System

A diferença de contrato da Nike para a Adidas



Após oito anos, o Internacional deixará de vestir trajes da Nike e a Adidas será a nova parceira para 2020. E além das roupas serem diferentes, o esquema de remuneração para o Inter também será distinto.

A Nike pagava nos primeiros anos de contrato R$ 15 milhões por ano, mas descontava deste valor o material repassado na temporada. Com a tendência de mercado o valor baixou e em 2019, por exemplo, o Colorado recebeu R$ 8 milhões.

O acordo com a Adidas é diferente. O Internacional recebe todo o material que usará durante a temporada, avaliado em R$ 3 milhões e não há nenhum valor fixo pago pela empresa alemã. Porém, o Inter lucrará com os royalties.

A marca das três listras pagará 27% de todo o material que for vendido do Inter. O orçamento de 2020 aponta uma receita de R$ 7 milhões, mas trata-se de uma projeção conservadora, existe expectativa por exemplo de mais de R$ 10 milhões entrarem nos cofres do Maior do Sul.

A projeção de R$ 7 milhões se dá pelas vendas da Nike de 2019. Entretanto, a Adidas terá um tratamento diferente e melhor para a torcida e o Inter espera que tal trato se reverta em lucro. A Nike fornecia uma linha com apenas sete peças e vendeu cerca de 270 mil itens na atual temporada.

A Adidas, por sua vez, disponibilizará 23 peças diferentes, inclusive com linha infantil, que praticamente era esquecida pela Nike. Terão trajes para venda de camisas polo, camisetas, moletons, casacos, entre outros.


Além do valor financeiro, outro ganho do Internacional com a Adidas será recuperar a loja do Beira-Rio. A Intershop era completamente administrada pela Nike. Com a troca de fornecedora de material esportivo, o Inter passa novamente a administrar o estabelecimento.


ATENÇÃO:

  • Quer ficar informado sobre o Colorado 24h por dia? Entre no grupo do Resistência Colorada e tenha as informações na palma de sua mão.

    Clique aqui e entre com seu WhatsApp.

    O grupo não é aberto para debates.

Nenhum comentário