Comments System

Mexicanos querem voltar à Libertadores, mas um detalhe dificulta


Guiñazú no duelo contra o Chivas, em 2010 (Foto: Reprodução)
Guiñazú no duelo contra o Chivas, em 2010
(Foto: Reprodução)
A edição de 2020 da Copa Libertadores da América será a quarta seguida sem representantes do México. Os mexicanos, contudo, têm o desejo de voltar à principal competição do continente sul-americano, mas um imbróglio político dificulta.

A Concacaf, que comanda o futebol na América do Norte, quer uma competição hemisférica, onde todas as seleções das Américas participariam. A Conmebol resiste.


Segundo o presidente da Federação Mexicana de Futebol, Yon de Luisa, há um interesse na retomada das negociações para que os mexicanos voltem à Copa Libertadores da América.

“Em dezembro, tivemos um conselho da Concacaf e não se discutiu o retorno à Libertadores, mas estamos trabalhando para retomar as negociações. Queremos que a Concacaf busque uma maneira de se entender com a Conmebol e tenha, sim, uma Copa Continental [de seleções]. O dia em que isso acontecer, certamente será mais fácil o tema da Libertadores”, afirmou.

Em caso de fusão de competições, tanto de clubes como seleções, a Concacaf ganhará mais prestígio e competitividade. A Conmebol, por sua vez, se interessa pelo dinheiro de um mercado maior, especialmente dos Estados Unidos.


Lances de Inter x Chivas-MEX Libertadores 2010:



ATENÇÃO:

  • Quer ficar informado sobre o Colorado 24h por dia? Entre no grupo do Resistência Colorada e tenha as informações na palma de sua mão.

    Clique aqui e entre com seu WhatsApp.

    O grupo não é aberto para debates.

Nenhum comentário